quarta-feira, junho 30, 2010

"E com o tempo fiquei mais seletivo, aquelas amizades fúteis que eu tinha já não me interessam mais, as músicas ruins não me completam e o amor, só se for real."

domingo, junho 27, 2010

"Eram dias parados, aqueles. Por mais que se movimentasse em gestos cotidianos - acordar, comer, caminhar, dormir, dentro dele algo permanecia imóvel. Como se seu corpo fosse apenas a moldura do desenho de um rosto apoiado sobre uma das mãos, olhos fixos na distância. Ausentou-se, diriam ao vê-lo, se o vissem. E não seria verdade. Nesses dias, estava presente como nunca, tão pleno e perto que estava dentro do que chamaria - tivesse palavras, mas não as tinha ou não queria tê-las - vaga e precisamente..."

sábado, junho 26, 2010

Hey!

Hey, eu sei que pode parecer enganação mas eu juro que vi uma luz em você enquanto caminhávamos e conversávamos e eu não disse a metade das coisas que queria dizer.
Eu vou ser aquele que estará esperando, mesmo quando estiver frio. Hey, você me fez acreditar que eu não preciso estar sempre sozinho.
Porque eu não posso fazer nada se você se parece com um anjo, não posso fazer nada se eu quero te beijar na chuva então, venha, estou sentindo desde que te conheci. Eu não posso fazer nada por mim mesmo.
Hey, eu venho escondendo esse sentimento, então eu tenho algumas coisas para te dizer. Eu vi tudo isso então eu pensei "Mas eu nunca vi ninguém brilhar do jeito que você brilha", o jeito que você anda, o jeito que você fala, o jeito que você fala meu nome. Nunca mude.
Hey, por quê as pessoas estão sempre mudando? Eu acho que você e eu deveríamos continuar os mesmos.
Porque eu não posso fazer nada se você se parece com um anjo, não posso fazer nada se eu quero te beijar na chuva então, venha, sentir essa mágica que eu venho sentindo desde que te conheci..
Hey, eu poderia te dar 50 razôes, de porque deveriamos ficar juntos... Mas quem iria escrever um texto assim? rs'

sexta-feira, junho 25, 2010

...

A solidão, quando toma conta assim de alguém, quando não dá outras alternativas, passa a ser mais de uma solidão. Tem solidão de gente, de espaço, de vida. Plural de solidão é vazio existencial. Mas eu estou vivo, não estou? As pessoas estão todas aí, não estão? Só me falta somar ao invés de substituir e viver ao invés de escrever. Dá licença, vou até ali fazer diferente.

quarta-feira, junho 23, 2010

A maioria dos dias do ano são irrelevantes,eles começam e terminam sem nunhuma lembrança duradoura entre eles, a maioria dos dias não tem impacto no percurso da vida, 23 de Junho era uma Quarta-Feira.
Eu realmente aprendi que não existem milagres, não existe essa coisa de destino, nada é para ser, eu sabia, agora eu tinha certeza disso... eu tinha certeza absoluta. Porque depois do Outono sempre vem o Inverno. " )

Surprise.

“Mesmo quando você não sabe para onde vai, ajuda saber que você não está indo sozinho.
Ninguém tem todas as respostas. Às vezes, o melhor que podemos fazer é pedir desculpas,
e deixar o passado no passado. Outras vezes, precisamos olhar para o futuro e saber que,
mesmo quando achamos que vimos de tudo, a vida ainda pode nos surpreender, e ainda
podemos surpreender a nós mesmos.”
I think I'm fallin' for you... just because the little things.

segunda-feira, junho 21, 2010

Sun.

Sentado aqui, no mesmo lugar que aquele sorriso a tardinha. Me pergunto: e agora? Talvez ainda não consiga controlar certos sentimentos quando se trata de começo. Começo? Aé, nada realmente começou... a não ser esse sentimento aqui. Ah se você soubesse, que fico olhando a minha volta e imaginando "e se...", espera, não pense "e se..." você não é mais esse tipo de pessoa, apenas pense... Já é o suficiente. E não como uma adição e sim como um complemento, quase que literalmente.

sábado, junho 19, 2010

Conclusions

Vejo em seu rosto um lindo riso que se desenha agora solto por cansar de estar contido. E vejo em mim ser diminuído o receio de viver o que não vivo. Assim por vezes lhe desejei, e vi a saudade me inspirar, pois então simplesmente esperei por que quem gosta, sabe esperar.
Quem tem certeza sobre o amor com certeza nada sabe sobre ele, pois que tolo ousaria descrever aquilo que só um tolo poderia ver. E do pouco que sei confesso entender muito, muito sobre você, e assim aceito a sua ausência, e admito até com certa conveniência, que com paciência pelos meus dias navegarei sozinho, pois meu plano é te encontrar exatamente no meio do caminho, e ver em seu rosto um lindo riso que se desenha agora solto simplesmente por estar comigo.

quinta-feira, junho 17, 2010

Try.

Adeus, alguém precisava dizer, e esse alguém era eu. Mas com que palavras? Com que coração? De que jeito? E tudo parecia tão direito, mas não foi bem assim o que eu sonhei pra mim. Não queria ferir, me perdoa! Eu tentei, deixei meu coração na tua mão. Descobri que o nosso amor foi pura ilusão, é difícil ver o fim, mas tenho que esquecer, vou seguir sozinho. Eu tentei.
Por você... Mesmo assim eu vou tentar abrir de novo o coração pro amor, e se um dia a gente se encontrar, quem sabe seja a nossa vez de amar.

terça-feira, junho 15, 2010

"Tenho vontade de perguntar baixinho: você não gosta nem um pouquinho de mim? Nem sequer um tiquinho?"

Hope¹²¹²³

Chuva. Foi a chuva de hoje a noite que me fez perceber, que talvez tudo tenha esperança. E ao peceber isso me veio a decepção de estar com esperança, novamente. Tal palavrinha sempre, com o perdão da palavra, fode minha cabeça ao extremo. Simplesmente odeio a esperança. Oh sentimentozinho ruim.

segunda-feira, junho 14, 2010

Shame

Juro... não é vergonha. É uma falta de coragem com uma pitada de medo e uma boa dose de incerteza, fazendo com que eu realmente perca tudo isso. Esperança, esperar por alguma chama, algum sinal vindo ai do outro lado da história, eu sei, no fundo e talves nem muito lá no fundo, sei exatamente que dai, dessa história... não sai nada, sempre foi assim e sempre será, a pitada do medo vem da idéia de não termos a mesma sintonia de pensamentos, a dose de incertezas vem das situações que se formam com o passar dos minutos sem nada dito bem aqui aonde estou agora, a coragem? sabemos muito bem que não sou a pessoa mais corajosa da face da terra, mas é isso que se tem. Ultimamente ando tendo medo do futuro, tenho medo do momento em que tudo acontecer, as reações, as conseguencias... o depois. Mas nossa... como seria ótimo se eu não me protegesse tanto.

domingo, junho 13, 2010

Mama

Mama me falou
Dos perigos que existem
Cuidados com estranhos
Não chingue e não grite
Tinha uma lista quilométrica
E devagar me ensiniu
Mama falou tudo
Porém sobre você não falou
Mama nunca mente
Talvez não se lembrou
Falou de sentimentos
Mais não de você e eu
Respeite seus amigos
Evite fraucaturas
Não gastar dinheiro a toa
Não mexer com as abelhas
Mama nunca mente
Talvez não se lembrou
Ho!mama falou tudo
Porém sobre você
Não me falou

sexta-feira, junho 11, 2010

Fellings

Sou aquela vontade, que do nada, dá de querer comer pipoca com guaraná. Sabe?!

.

"As indagações pesavam sem resposta, e numa lucidez desesperada eu num repente assimilava todos os detalhes, dissecava o que acontecia em torno como se tivesse mil olhos, envelhecia como a noite lá fora, virando madrugada, a luz fraca -eu tudo compreendia, tudo sabia. Menos aquela cabeça pesando no meu braço. Que espécie de busca o levara àquele gesto? Me quebrava por dentro, a cabeça afundando cada vez mais no meu corpo, eu negava, fugia, tenso, o cigarro morto nas mãos, a cinza caindo sobre o tapete."

Happy.

Eu entendo porque você procura lágrimas em meus olhos
Acredite em mim, elas estavam lá, mas agora secaram
Eu estava tão na sua, e não consegui sair deste sentimento
Eu tive sentimentos que foram enterrados
Eu sabia que chegaria o dia em que meus olhos cruzariam a outros
E estou feliz por ser hoje, pois agora estou forte.
Eu estou feliz e posso agradecer a mim
Se dependesse de você, eu estaria na minha cama, chorando
Mas estou feliz e sei que isso te faz triste
Depois de tudo o que você me fez passar
Eu estou finalmente te esquecendo.
Existe uma razão pela qual nos conhecemos, e estou
feliz que isso tenha acontecido
Mas quando terminamos, eu resgatei uma parte de mim
que eu havia perdido
!
Pessoas dizem que você me trouxe para baixo o tempo todo
Aqueles era momentos em que eu vivi sem luz ao meu lado

Toda a amargura passou
E eu apenas te desejo, alguém que possa fazer o que eu não posso. : )

terça-feira, junho 08, 2010

Enough!

Sabe, cansei dos "três pontinhos" e resolvi colocar um "ponto final" em tudo de uma vez, sério, não tenho mais idade para isso. Chega, me canso facil com dramas, não sou mais o mesmo, lide com isso. Resolvi não regredir, não quero, não posso. Preciso de coisas novas. Eu disse, CHEGA.

segunda-feira, junho 07, 2010

Mess

Isso...isso aqui, ta vendo? Bem ali no meio do meu peito? Era exatamente isso que eu não queria sentir de novo, esse mix, mistura, de agonia com desprezo com uma boa pitatada de desrespeito e finalmente, a mais temida sensação... de desapontamento. Sabe eu tava ótimo ali, bem ali, no canto sozinho. Mas nãoo, eu tinha que me meter em algo de novo... e todos esses sentimentos ao qual eu lutei tanto para me desfazer estão de volta. Isso não é saudável, não pode ser, tenho certeza. Mas então... porque eu deixo? Porque eu me deixo passar por tudo isso de novo? Não quero retroceder, ja estava evoluindo, NÃO vou retroceder. O que você vê é exatamente o que você tem, aceite ou não... minhas cartas estão todas ali ó, em cima da mesa. Não tenho nada a esconder. Não preciso, e não quero. Mas você, tem esse dom de me irritar, me fazer desistir a cada palavra sua dita. Mas preciso de você, não quero de jeito algum... mas preciso. Necessito. Me faz querer de um jeito que a um longo tempo não queria, mas porque tem que ser tão dificil? É tão simples... simples. Não estraga.

ShakiraRules

"Quem iria imaginar que você poderia me ferir
Da maneira que você fez (...)
Eu rôo minhas unhas por dias e horas
E questiono minhas próprias perguntas continuamente(...)
Você nem mesmo sabe o significado das palavras "Me desculpe"
Você disse que me amaria até morrer
 Mas até onde eu sei você ainda está vivo..."

sexta-feira, junho 04, 2010

 Você sabe o que eles falam... "Uma vez que você matar uma vaca, você tem que fazer um hamburguer."

GagaRules

quinta-feira, junho 03, 2010

Trust

Confiança, palavra estranha... com um sentido ainda mais estranho. Tal palavra com ‘C’ vem me atormentando ao longo dessas semanas. Só existe duas situações, ou você confia, ou você não confia. Pois então? Qual vai ser? Espero que escolhas o mais rápido possível, pois não estou aqui de brinquedo. Mas tudo bem, afinal... eu confio em você.

Don't

Não diga "eu amo você.".
Não diga que precisa de mim.
Não diga "eu confio em você.".
Não diga que você me quer.
Não diga que sente a minha falta.
Não me machuque.
Não diga que me ama.
A menos que você acredite!

LookBook.nu

<!--BEGIN HYPE WIDGET--><script src="http://ajax.googleapis.com/ajax/libs/jquery/1.4.2/jquery.min.js" type="text/javascript"></script><script src="http://lookbook.nu/look/widget/1474853.js?include=hype&size=medium&style=button&align=center"></script><div id="hype_container_1474853"></div><!--END HYPE WIDGET-->